terça-feira, 25 de outubro de 2016

10 Funcionários do Governo Que Admitiram a Existência de Alienígenas

Muitas pessoas acreditam que o governo está a silenciar a existência de aliens para evitar que as pessoas fiquem aterrorizadas ao descobrir a verdade. As evidências? Os funcionários do governo que, possivelmente, deixaram escapar algumas verdades.

10- John Podesta Afirmou Que o Público Está Pronto Para Saber a Verdade


John Podesta era um membro das administrações de Obama e de Clinton e agora é um membro da equipa de campanha de Hillary Clinton. Tem trabalhado no sentido de descobrir a verdade sobre os OVNIs e os extraterrestres durante anose tem feito alguns progressos na obtenção de determinados arquivos desclassificados.

Ainda assim, acredita que há muito mais para encontrar e os entusiastas de OVNIs ficaram animados quando ele afirmou que negligenciar a libertar arquivos sobre os óvnis fora a sua maior falha durante a sua passagem na administração de Obama. E, no entanto, não foi dissuadido. Fez Clinton prometer que iriam chegar ao fundo da questão se ele se tornasse presidente.

9- Dennis Kucinich Reivindicou Uma Experiência Alienígena Genuína


O congressista Dennis Kucinich é conhecido por ser franco e bastante diferente dos seus colegas. É considerado extremamente liberal em algumas coisas e algumas pessoas chamam-lhe uma versão liberal de Ron Paul. Também é considerado um pouco louco por muitas pessoas, porque mantém a uma crença de que foi mentalmente contatado por alienígenas.

É de Ohio e, durante o tempo da sua experiência, vivia perto de uma base da Força Aérea. Viu um estranho UFO e, quando ele voou por cima, ele afirma ter sentido uma conexão mental.

8- Kennedy Foi Assassinado Porque Queria Contar ao Público


Muitas pessoas estão convencidas de que John F. Kennedy não foi simplesmente morto por um simpatizante comunista solitário, mas sim que foi assassinado por agentes do governo. Algumas pessoas pensam que foi porque queria acabar com os bancos ou algo semelhante, mas os teóricos alienígenas têm uma ideia diferente.

Os teóricos afirmam que Kennedy exigiu informações sobre os alienígenas e a Área 51, expressando o desejo, apenas alguns dias antes de morrer, de trabalhar mais com os russos no programa espacial. Pensam que essa é a evidência de que Kennedy queria adquirir a informação para contar ao público e que a CIA o assassinou porque não podiam arriscar que o conhecimento contido na Área 51 fosse divulgado.

Infelizmente para os teóricos, as supostas cartas de Kennedy eram quase certamente uma falsificação.

7- O Membro do Parlamento Russo Afirma Ter Visto UFOs, Implicando Que o Governo Sabe


Kirsan Ilyumzhinov é o ex-presidente da República Russa da Kalmykia e atual presidente da Organização Mundial de Xadrez. É uma figura bastante estranha que afirma abertamente ter sido abduzido por alienígenas e que são muito semelhantes às pessoas. Como Dennis Kucinich, afirma que estava conetado mentalmente, enquanto estava a bordo do seu ofício.

Um oficial russo sugeriu que alegar que foi abduzido por alienígenas podia torná-lo incapaz de governar. No entanto, como se fosse uma possibilidade real, o oficial concluiu sobre uma questão igualmente importante: Os aliens podem ter sido capazes de assumir os segredos do estado dele durante uma abdução e um encontro com aliens seria histórico se acontecesse. Afirmou que Ilyumzhinov deveria ter relatado tudo, diretamente a Kremlin.

6- Dwight. D. Eisenhower Revelou Quase Tudo


Uma das teorias mais populares é a de que Eisenhower estava supostamente obcecado por aliens e que se encontrava secretamente com eles, ou que estava telepaticamente ligados a eles. Supostamente, usou essas conexões para configurar alianças, conhecendo muito bem todos os programas e pesquisas alienígenas do governo, estando envolvido em algumas delas.

Outra conspiração afirma que os segredos alienígenas eram guardados por Eisenhower, que ameaçou invadir a área 51. Sabendo que não poderia enfrentar o atual presidente e herói de guerra, recuou e permitiu que os seus especialistas visitassem as instalações, onde viram uma nave espacial alienígena e os restos da que caiu em Roswell. Se isso fosse verdade, pode-se especular um aviso mais profundo por trás do seu discurso sobre o complexo industrial militar.

5- A Piada do Primeiro-Ministro Russo Medvedev Foi Considerada Uma Admissão Séria


Há aguns anos, o primeiro-ministro russo, Medvedev, provou que a mídia ocidental não entende o humor muito bem. Disse numa entrevista que recebeu pastas secretas com informações sobre aliens. Alegou que viviam entre nós, que sabia que isso iria causar pânico, mas que ele poderia controlá-los a qualquer momento.

É evidente que, se o primeiro-ministro russo não prolongou mais essa conversa, ele estava apenas a brincar com as pessoas. Alegar que poderia controlá-los a qualquer momento, levou as pessoas a pensar que ele estava a falar a sério.

4- O Ex-Astronauta Edgar Mitchell Está Obcecado Com o Alienígenas


Edgar Mitchell é um ex-astronauta que ficou obcecado com UFOs e que participa regularmente em convenções. Não tem a pretensão de ter visto aliens, mas está certo de que existem e tornou-se astronauta por causa da sua obsessão.

Saudou a cidade de Roswell, Novo México, e foi afetado pelas histórias em torno do acidente. Afirma que os cidadãos da cidade foram informados pelo governo para deixá-lo ir e quando tentou, com a sua influência como astronauta, obter algumas informações sobre o assunto, não foi muito longe. Supostamente, conseguiu obter a confirmação de que uma nave alienígena caíra em Roswell e que novas investigações foram encerradas.

3- As Afirmações do Capitão Aposentado da Força Aérea 


Um ex-capitão da força aérea, chamado Robert Salas, que trabalhou no ICBMs, em Montana, afirma que teve algumas experiências muito estranhas. Alega que os UFOs eram comuns e que atrapalhavam as suas armas nucleares de tal modo que a Força Aérea tinha de voltar e reativá-los manualmente. Numa ocasião, todos os seus mísseis ficaram bloqueados durante alguns minutos. Algumas outras bases de mísseis em todo o mundo têm relatado coisas semelhantes.

Também afirma que os seus homens uma vez quase se aproximaram de uma nave triangular estranha e que outra vez viram um OVNI que parecia que estava a vomitar algum tipo de metal fundido. De acordo com o Capitão Salas, os seus superiores não o demitiram ou estranharam a sua história, apenas lhe disseram que era top secret e que "não aconteceu."

2- O Governo Dos Estados Unidos da América Alegadamente Admitiu os UFOs Depois de Roswell 


Roswell é o grande incidente de UFO dos Estados Unidos, não o primeiro, mas o primeiro a conseguir maior cobertura e afirmar-se perante a imaginação do público. A questão ainda não foi esquecida por muitas pessoas. O jornal da manhã seguinte afirmava que um disco de metal que voava caiu, mas rapidamente publicaram uma retratação, a pedido da Força Aérea.

A Força Aérea produziu os destroços que poderiam ter sido de um balão meteorológico e isso tornou-se a história oficial. No entanto, o estrago já estava feito. Mesmo Roswell sendo apenas um experimento do governo de algum tipo, o título original e as tentativas desajeitadas da Força Aérea para esconder as coisas fazem com que muitos teóricos nunca fiquem convencidos de que não era nada disso, eram alienígenas.

1- O Governo Britânico Lutou Para Manter os Ficheiros UFO Escondidos Por Uma Razão Idiota


Há alguns anos atrás, o Ministério da Defesa da Grã-Bretanha finalmente mostrou os arquivos que tinham sobre UFOs e as pessoas viram-nos com um encolher de ombros coletivo. Depois de toda a luta para mantê-los em segredo, não havia realmente nada para ver. Os arquivos mostraram que após 50 anos de monitoramento e pesquisa, o governo não conseguira obter qualquer coisa útil.

Alguns teóricos afirmam que os arquivos reais, obviamente, não foram mostrados e sugerem que o governo não teria tentado escondê-los se fossem tão banais. No entanto, há uma razão menos sinistra pela qual eram mantidos; o constrangimento oculto-nacional. O governo ainda tinha uma linha direta de UFO até há poucos anos atrás. Os documentos mostram que foi fechada porque não estava a produzir resultados e não queriam desperdiçar uma quantidade colossal de dinheiro. A verdade provável neste caso é que o governo não queria que os seus cidadãos soubessem exatamente quanto dinheiro tinham perdido.

Sem comentários:

Enviar um comentário